Natal

Antigo Armazém Real da Capitania do Rio Grande é inaugurado

Um dos imóveis mais antigos da história da fundação de Natal, o Armazém Real da Capitania do Rio Grande foi inaugurado esta semana após reforma realizada pela direção local do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. A solenidade de entrega contou com a presença do ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e representantes municipais e estaduais.

Construído ainda no período Colonial, o prédio já foi residência para o Padre João Maria no século XIX e até 2010 era a sede administrativa do IPHAN). A obra foi realizada com recursos federais do PAC Cidades Históricas, em torno de R$ 420 mil, tocadas pela superintendência regional do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), restaurou a edificação com as adequações das normas de acessibilidade, sem descaracterizar a arquitetura histórica. O prédio faz parte do conjunto arquitetônico do Centro Histórico de Natal, alvo de investimentos da atual gestão da Prefeitura. 

O Centro de Referência do patrimônio imaterial, que será aberto à visitação pós-pandemia, irá abrigar os registros da literatura do cordel, do teatro de bonecos popular do nordeste, da roda de capoeira e da festa de Sant’Ana de Caicó, bem como, em breve, manifestações do repente e das matrizes do forró. As associações e colaboradores terão espaço para produzir seus trabalhos, como também vender seus produtos. Além disso, parte das atividades da Casa será destinada à expografia.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo